Cleptocracia e COVID-19 parte 3

Esta a 3ª parte de uma postagem sobre a cleptocracia e o COVID-19. Para receber as próximas postagens em seu email, assine o nosso blog.

Psico-neuro-imunológico parte dois.

Então, prosseguindo, minha fala, me dirijo aos covidensos e as covidensas, como são conhecidos os moradores de Covid-19

No embate entre lulistas e bolsonarianos surgiu um argumento. Diziam os bolsonarianos que ele era mais apto porque consegue dizer hidroxicloroquina, enquanto que o opositor não consegue dizer tríplex. Brasileiros tem fenomenal capacidade de ironizar e brincar com tudo. Vamos entrar na brincadeira e falar psiconeuroimunológico. Quem conseguir fica melhor na fotografia…

Ser médico é também ser buscador. Existe um grupo de pensadores médicos que entende que esses quatro sistemas, que geram quatro especialidades médicas distintas, a saber a Psiquiatria (siamesa com a psicologia), a neurologia, a imunologia e a endocrinologia, deveriam ser uma única especialidade.

Pessoalmente acho meio impossível que um ser humano consiga dominar todos os conhecimentos dessa única especialidade. Razão pela qual esses médicos pensadores em sua maioria acreditam na integração do trabalho dos especialistas nessas diversas áreas. O trabalho em equipe, o trabalho em grupo, que tanto treinamos nas escolas e que você deixava para um colega fazer. OU você era o Nerd que fazia?

A neurologia, a imunologia, a endocrinologia estudam fenômenos extremamente complexos, maravilhosos, de uma integração funcional tão fantástica autônoma q eu quando a gente vai estudando dá até vontade de acreditar em Deus. Mas na verdade são mecanismos que funcionam por si.

Uma molécula aqui ativa uma célula acolá, que responde com outra substância que leva a produção de um hormônio e o hormônio de lá então mexo com uma célula de cá e de repente um neurotransmissor é liberado e você sente prazer e daí uma célula do seu organismo libera uma outra substância que vai despertar seu sistema imune porque entrou um invasor no seu organismo. Que tenso e denso esse parágrafo, hein? E as substâncias tem nome três vezes mais comprido que hidroxicloroquina, rssss

Dois rápidos comentários:

Comentário hum: quando você for em um médico, olhe bem para ele. Mas não fale nada. Só pense que para se formar ele precisou aprender o nome de todas essas substâncias e de quem reage com quem para poder lhe prescrever um medicamento. E você, que nem era o Nerd que fazia os trabalhos na escola se automedicando… comprando hidroxicloroquina na Internet, seu jacaré…

Comentário dois: percebeu que eu me intrometi no processo descrito como autônomo, automático, deixando escapar a palavra “ prazer”. Pois é, porque no psiconeuroimunológico, a única parte, digamos, parcialmente controlável, é o psico. Foi a forma que encontrei de entrar com a psiquiatria na História.

Cidadão e cidadã covidense – você já que para escapar do Covid-19 não vai ser fácil. Imunização de rebanho, vai ser uma gripezinha, só morrem aqueles do grupo dos escolhidos, os “ véio de 72 anos” igual ao Dr. Everson. Você está lendo de tudo, troca Ministro, bota um Ministro mais feio para ver se vírus assusta e vai embora, o vírus responde que não tem medo de cara feia, rsss.

Estou brincando com o Sr. Ministro, acompanhando outros que já brincaram com ele, mas é um médico que se entrar na sala, mesmo muito mais jovem do que eu, levanto para cumprimentá-lo em respeito – é um baita médico, sério, zero de politicagem, “tamo junto”, como diz a turma da Associação Atlética.

A situação do covidense é complicada. Da sua pele para fora o mundo se divide entre cleptocratas e o Covid. Da pele para dentro o tal psiconeurooscambaupapelote, rss, como diziam os moradores da Campina do Siqueira na minha infância. Pelo que a gente entende o tal cleptocrata entra no bolso e rouba o salário de sustentar a família e o Covid entre pela boca, nariz e olhos para roubar a saúde a vida.

O Presidente está perdendo no jogo do truco para a politicagem e nós estamos perdendo o jogo para o Covid. “Home de Deus”, fala algo que me ajude. Já tomei dois Rivotril SL, um Frontal XR, três Exodus e continuo com aperto no peito e as mãos suando só de ler…..

Calma, vou falar! Primeiro lembre que eu também aprendi todas aquelas palavras longas que os médicos das outras especialidades aprenderam. Nós, psiquiatras, também sabemos falar tríplex, hidroxicloroquina e todas aquelas coisas que os outros médicos falam. Só que nós não falamos, porque palavra difícil não trás nem Fé, nem Esperança. E é isso que precisamos agora.

Bom, de esperança você entende, doutor – afinal torce para o Paraná clube. É verdade, Terta! sou um homem esperançoso. Sou tão esperançoso que minha cor favorita é o verde-palaciano

E de Fé – minha Fé é inabalável e consistente como o pico do Marumby, firme e alta como o pico do Paraná- se não for paranaense vai ter que dar uma olhada no livro de geografia. Serra do Mar – coisa linda de se ver. Mas não é a Serra do Mar que me dá Fé. Ela é só um cutucão de Deus na nossa alma. Minha Fé vem da pura lógica.

Deus, seja lá o que for Deus, E Deus é Deus, NÃO encha minha paciência com isso, pois Deus que é Deus fez o Paraná ser pentacampeão paranaense e DUAS VEZES CAMPEÃO BRASILEIRO DA SÉRIE B. Tem isto feito Deus sossegou porque entendeu que já tinha ensinados covidenses de Seu Poder e de sua capacidade de produzir feitos bem feitos.

Ah, deixa eu ver se entendi. O dr Everson está tentando dizer que os covidenses devem ficar sincrônicos com a obra divina, mas o doutor é como Santo Agostinho, que sabia, mas uando lhe perguntavam não sabia mais.

Sim, verdade pura – e é assim que Ele nos apetrechou para lidar com o COVID… o Divino é danadinho….o Cara é cheio de truques e nós, buscadores, precisamos decifrar.

Decifremos, pois! Na verdade, o cenário atual está complexo, como estamos vendo em nossa extensa digressão. Mas é necessário percorrer o caminho se queremos sair do imbróglio.

Senão, vejamos. O remédio mais falado é o tal respirador. Depois falam em três produtos que, quem sabe, perhaps, tomara que possam ajudar. Fora isso, o que resta para os covidenses nesse momento em que o planeta explode. Será que a saída é fazer um foguete à la Jor-El , o pais do Superhomem e mandar o Raul para o Espaço Sideral. Para mim não é solução – escolha de Sofia- quem ponho no foguete – Raul ou Lúcio, Vica , a Neta, Pedro, o neto – Os meus não são Kriptonianos, não vão a lugar nenhum, são covidenses.

Nada de espaço sideral – essa solução não presta.

Todo médico é um buscador – precisa uma solução melhor… . E onde ela está?

Estamos procurando da pele para fora – a melhor solução ainda são os cuidados de higiene, mas mesmo assim já fomos avisados que todos nos contaminares com o bichinho…

A Existência, tal como Deus a criou é feita de dualidades. Se o problema vem de fora a dualidade exige que a solução venha de dentro.

Everson ALberge Buchi

Parte 4